Três casos de feminicídio que deixaram a população revoltado devido a brutalidade e a crueldade


Três casos de feminicídio que aconteceram recentemente que deixaram os municípios de Uruçuí, Balsas e Pedro II em choque e a população revoltada devido a brutalidade e a crueldade em que as vítimas foram mortas.

Em Pedro II, o irmão está preso, e é o principal suspeito de matar a irmã Izadora Mourão a facadas, um jovem linda, uma advogada que ainda tinha muitos sonhos a realizar pela frente, nesse caso de Pedro II o que mais chamou atenção de todos foi a frieza do acuso, que após o crime o suspeito ainda deu entrevistas para sites e Tvs falando sobre o ocorrido sendo que ele é o principal suspeito. 




Em Uruçuí, o ex-companheiro matou a facadas sua ex-esposa Alzinete de Carvalho Mendonça de 32 anos, uma jovem trabalhadeira e lutadora, mãe de três crianças, a mesma estava indo para o serviço quando foi morta a facadas no centro da cidade. 




Em Balsas o companheiro matou a esposa a facadas, pauladas e tijoladas. Miguel Francisco de Oliveira, era casado com Sandra Cristina de Souza, de 57 anos, na noite de Sabado dia 20/02, Miguel, já estava decidido a matar Sandra, esperou o filho sair da residência e iniciou uma discussão com Sandra, neste momento, ele teria pego uma faca e atingido o olho de Sandra, que saiu correndo para fora da residência, mas ela foi seguida por Miguel, com pedaço de pau, começou a espancar em frente à residência, ele consegue derrubar Sandra, e com tijolos terminou de mata-la, ele fugiu sentido ignorado após o crime, a polícia neste momento está na tentativa de prender o criminoso, polícia militar e polícia civil estiveram no local para liberação do corpo.



Nos três casos a polícia agiu rápido e deu uma resposta a sociedade efetuando a prisão de todos que mataram suas companheiras ou ex-companehiras. Agora esperamos que a justiça faça sua parte.

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.