PLANTÃO POLICIAL

[Policial][bleft]

VARIADAS

[Categorias][bsummary]

CIDADES

[Cidades][twocolumns]

Governador do Maranhão quer restringir a venda de bebidas alcoólicas para conter o avanço da Covid-19 no país.


Governador do Maranhão estuda restringir a venda de bebidas alcoólicas como uma das medidas para conter o avanço da segunda onda da Covid-19 no país.

A ideia é proibir que os produtos sejam comercializados numa determinada faixa de horário.
A informação é da coluna Painel, da Folha de S. Paulo.

Já aderiram ao plano os gestores estaduais de Piauí, Paraíba, Bahia, Rio Grande do Norte, Pernambuco, Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Mato Grosso, São Paulo, Pará, Distrito Federal, Alagoas, Minas Gerais, Ceará, Sergipe, Goiás, Maranhão, Amazonas, Paraná, Espírito Santo e Rio de Janeiro.

Ainda de acordo com a coluna, uma segunda medida seria o impedimento de eventos com aglomeração, o que já está em vigor no Maranhão até o fim desta semana.

A intenção é adotar medidas em conjunto, para garantir aplicação em todo o território nacional, que sirvam até o dia 14 de março.
Os estados que ainda não aderiram ao pacto ainda podem se manifestar a favor da proposta.

Nenhum comentário: